21/8/17
 
 
Academia muda regras para evitar mais enganos nos Óscares

Academia muda regras para evitar mais enganos nos Óscares

30/03/2017 13:26

Proibição do uso do telemóvel por parte dos funcionários responsáveis pelos envelopes

A Academia de Cinema dos Estados Unidos decidiu mudar alguns aspetos no protocolo dos Óscares, depois da polémica na cerimónia deste ano - onde, recorde-se, os atores Warren Beatty e Faya Dunaway anunciaram "La La Land" como o vencedor para o melhor filme por terem recebido, erradamente, o envelope relativo ao Óscar para... melhor atriz (Emma Stone). O melhor filme seria "Moonlight".

A consultora Pwc (PricewaterhouseCoopers), parceira da Academia há 83 anos, assumiu responsabilidades pelo erro, dado que um dos funcionários responsáveis pelos envelopes nos bastidores da cerimónia admitiu ter estado distraído a usar o telemóvel, o que levou à troca do envelope.

Assim, a partir de agora, os dois funcionários que ficam responsáveis pelos envelopes com os vencedores dos Óscares estão proibidos de usar o telemóvel. Além disso, haverá ainda uma terceira pessoa da consultora a verificar a entrega correta dos envelopes e um responsável superior da PwC também nos bastidores da cerimónia. A Academia, de resto, já tinha anunciado anteriormente que os dois funcionários da PwC responsáveis pelos envelopes na última cerimónia, Brian Cullinan e Martha Ruiz, não voltarão a participar.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

Não tem utilizador? Clique aqui para registar

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×