20/9/18
 
 
As outras duas gaffes dos Óscares

As outras duas gaffes dos Óscares

Raquel Carrilho 27/02/2017 11:59

Afinal não foi só o anúncio do vencedor do Óscar para Melhor Filme – em que “La La Land” foi erradamente apresentado como vencedor, quando na realidade o prémio pertencia a “Moonlight” – que foi marcado por um erro monumental.

No In Memoriam – espaço dedicado a homenagear os rostos da indústria cinematográfica que morreram no passado ano – houve uma troca e uma ausência.

Em primeiro lugar, quando referida a figurinista responsável pelo guarda-roupa de filmes como “O Piano” e “Retrato de uma Senhora”, Janet Patterson, que morreu em outubro de 2016, foi utilizada a fotografia de Jan Chapman, sua amiga. A produtora australiana enviou, a este propósito, um email à revista “Variety”: “Sinto-me devastada pelo uso da minha fotografia no lugar da minha grande amiga e colaboradora de uma vida, Janet Patterson. A Janet era uma verdadeira beleza e um talento, por quatro vezes nomeada para um Óscar. É uma verdadeira desilusão que ninguém se tenha apercebido deste erro. Eu estou viva e bem e continuo a ser uma ativa produtora de cinema.”

Também no In Memoriam não passou despercebida a ausência do ator e humorista Garry Shandling, reconhecido sobretudo pelo trabalho no “The Larry Sanders Show”, e que o apresentador da cerimónia Jimmy Kimmel considera uma inspiração. Shandling morreu no passado dia 24 de março de 2016.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×