17/11/18
 
 
Antiga espia portuguesa da CIA é presa para ser extraditada

Antiga espia portuguesa da CIA é presa para ser extraditada

Shutterstock Jornal i 21/02/2017 09:26

Portuguesa trabalhava para a CIA

A portuguesa que trabalhava para a CIA foi detida esta segunda-feira, em Lisboa, pela PJ, para ser extraditada para Itália. Sabrina Sousa, de 61 anos, vai cumprir uma pena de prisão de quatro anos, pelo envolvimento no rapto da irmã, na mesquita de Milão, em 2003.

Sabrina estava em liberdade provisória desde abril de 2015, travando desde aí uma batalha judicial que terminou no Tribunal Constitucional em maio de 2016. Ontem, a PJ deu inicio ao cumprimento do mandado de detenção.

A arguida passou a noite na cadeia de Tires e será levada durante o dia de hoje para o Porto, onde irá ficar até que os gabinetes portugueses e italianos da Interpol digam o contrário.

De acordo com o advogado de Sabrina, esta poderá cumprir uma pena em serviço social ou beneficiar de um perdão presidencial.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×