20/11/19
 
 
TSU. Decreto deve ser "anulado pelo Parlamento", diz BE

TSU. Decreto deve ser "anulado pelo Parlamento", diz BE

João Porfírio Rita Porto 12/01/2017 20:06

O Bloco de Esquerda já fez saber que irá votar contra um decreto para a diminuição da Taxa Social Única (TSU).

“Não seria sensato fazer acompanhar o aumento do salário mínimo de um subsídio às entidades empregadoras que se constituiu num incentivo a que paguem salários baixos”, defendeu o bloquista José Soeiro.

O BE defende que, caso esse decreto venha mesmo a concretizar-se, ele deve ser “apreciado pelo Parlamento” e “deve ser anulado”. “Se o Parlamento anular essa medida será uma expressão de bom senso”, acrescentou.

Soeiro fez questão ainda de reforçar que o governo sempre soube a posição do partido relativamente ao aumento da TSU, não havendo por isso “nenhum drama” nem “nenhuma crise a esse nível”. “O BE sempre foi transparente quanto à sua posição. O partido disse que não apoiaria uma medida de redução da TSU patronal porque entendemos que além de dar o sinal errado, poderia ter efeitos do ponto de vista da Segurança Social.”

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×