24/2/17
 
 
Governo alemão anuncia redução do número de requerentes de asilo
Ministro Thomas de Maizière apresentou os dados migratórios de 2016

Governo alemão anuncia redução do número de requerentes de asilo

Ministro Thomas de Maizière apresentou os dados migratórios de 2016 Jornal i 11/01/2017 19:05

Ministério do Interior justifica diminuição com as políticas alemãs e europeias bem-sucedidas.

Numa altura em que faltam nove meses para as eleições na Alemanha, o executivo de Angela Merkel apresentou um conjunto de dados que podem contribuir para a chanceler reforçar o seu favoritismo e o da CDU na corrida. De acordo com os números apresentados, na quarta-feira, pelo ministro do Interior as autoridades alemãs contabilizaram a chegada de 280 mil refugiados e requerentes de asilo, em 2016, um número significativamente distante dos 890 mil verificados no ano anterior.

“Fomos bem-sucedidos na gestão e controlo do processo migratório”, congratulou-se o ministro Thomas de Maizière, citado pela BBC. “Isto revela que as medidas que o governo federal [alemão] e a UE tomaram, estão a ser efetivas”, acrescentou. Para Maizière, a redução pode explicar-se através da adoção de duas medidas concretas, conforme passou a explicar: o acordo alcançado entre a União Europeia e a Turquia e o encerramento da “Rota dos Balcãs”.

Apesar da redução drástica do número de requerentes de asilo e refugiados – vindos maioritariamente da Síria, do Iraque e do Afeganistão – os dados disponibilizados pelas autoridades migratórias alemãs mostram que o número de pedidos de asilo, em 2016, até foi superior a 2015 – mais de 745 mil. Segundo o ministro do Interior alemão, essa contabilização inclui bastantes pedidos daqueles que chegaram em 2015, e que apenas formalizaram a requisição de asilo no ano seguinte.

A política de abertura da Alemanha aos refugiados, liderada pelo executivo de Merkel, foi muito criticada pelos movimentos políticos de extrema-direita no país, nomeadamente pela Alternativa para a Alemanha (AfD). Anúncios desta natureza podem ajudar a chanceler alemã a recuperar alguma da aura perdida.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

Não tem utilizador? Clique aqui para registar

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×