24/2/17
 
 
Novo Banco. Santana Lopes admite nacionalização temporária

Novo Banco. Santana Lopes admite nacionalização temporária

Luís Claro 11/01/2017 08:28

Ex-líder do PSD diz que não é aceitável o banco ser "mal vendido" 

O ex-líder do PSD Pedro Santana Lopes admite que a nacionalização do Novo Banco pode ser preferível ao banco ser "mal vendido". 

"O meu ponto principal é o banco não ser mal entregue, não ser mal vendido. Prefiro qualquer outro caminho a entregar-se o banco de graça para depois ser vendido em fatias. É um banco fundamental para a economia portuguesa", disse Santana Lopes, no habitual comentário na SIC-Notícias. 

O ex-líder do PSD defende que "uma nacionalização seria algo de temporário", já que "não se pode aceitar uma má solução". 

A nacionalização do Novo Banco já tinha sido admitida pela ex-líder do PSD Manuela Ferreira Leite com o argumento de que pode ser a solução "menos má". 

Já o ex-presidente dos sociais-democratas Marques Mendes defendeu que a nacionalização do Novo Banco "é um perigo".

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

Não tem utilizador? Clique aqui para registar

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×