24/8/19
 
 
Referendo em Itália. Sistema financeiro poderá ser o mais atingido

Referendo em Itália. Sistema financeiro poderá ser o mais atingido

Sónia Peres Pinto 04/12/2016 17:18

O setor bancário italiano tem enfrentado desafios devido ao elevado crédito malparado, com ameaças de intervenções em várias instituições financeiras.

O referendo constitucional em Itália poderá provocar uma nova crise bancária na Europa. O alerta é feito por uma economista citada pela CNBC ao referir que este poderá ser o próximo grande risco para a economia e que poderá mesmo levar o país a sair do Euro.

A verdade é que o setor bancário italiano tem enfrentado desafios devido ao elevado crédito malparado, com ameaças de intervenções em várias instituições financeiras. É o caso, por exemplo, do Monte dei Paschi di Siena. Ao todo a ajuda financeira à banca italiana poderá chegar aos 40 mil milhões de euros. Ao mesmo tempo, as taxas de juros podem subir devido às regras mais apertadas impostas pelo Banco Central Europeu (BCE).

“No meu ponto de vista o maior risco é para o setor bancário, mais do que o risco político e mesmo que exista alguma instabilidade política”, diz Megan Greene, economista chefe da Manulife Asset Management.

“Se tivermos uma crise no setor bancário italiano novamente ela pode espalhar-se para a Europa e a solução encontrada por Renzi pode ser simplesmente quebrar as regras europeias e salvar os bancos, o que será altamente penalizado pela União Bancária, a única onde se fizeram progressos na Europa desde o início da crise”, diz Green.  

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×