18/9/18
 
 
Petróleo continua em alta

Petróleo continua em alta

01/12/2016 20:10

O barril de petróleo negociou a mais de 52 dólares continuando a subida de preço depois do acordo da OPEP para a redução da produção. 

Na quarta-feira a Organização dos Países Produtores de Petróleo (OPEP), chegou a um acordo para a redução da produção em 1 milhão e 200 mil barris por dia, naquele que é o primeiro corte em oito anos e terá início em janeiro de 2017. 

Os 14 países da OPEP produzem um terço do petróleo mundial e além do corte pelos seus membros há um acordo para que outros exportadores fora da organização, entre os quais a Rússia, reduzam também a produção.

Moscovo já fez saber que está disposto a reduzir a produção, de forma gradual, desde que todos os membros do cartel cumpram as novas metas.

As Arábia Saudita, principal produtor, vai baixar a produção em 486 mil barris por dia. EAU, Koweit e Catar 300 mil e o Iraque aceitou um corte de 200 mil. A Argélia vai reduzir 50 mil barris, Angola 80 mil, o Equador 26 mil e a Venezuela 98 mil. O Irão vai manter a produção. 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×