23/2/20
 
 
Escritório. Estes objetos têm mais bactérias e germes do que imagina

Escritório. Estes objetos têm mais bactérias e germes do que imagina

Shutterstock Jornal i 17/10/2016 20:17

Os investigadores afirmam que as bactérias encontradas nestes objetos podem provocar intoxicações alimentares, infeções e resistência a antibióticos.

Um grupo de investigadores, citados pelo jornal britânico Daily Mail, revelaram quais os objetos usados nos escritórios que contêm mais germes… e os dados são surpreendentes.

Os especialistas chegaram à conclusão que os ratos de computador continham cerca de 45 mil vezes mais germes e bactérias do que a maçaneta de uma porta ou uma sanita. Já os teclados estão 20 mil vezes mais contaminados que uma sanita.

Outro dos objetos mais sujos num escritório é o cartão de identificação de um trabalhador, usado para entrar e sair do local de trabalho – têm 243 vezes mais bactérias do que um brinquedo para animais.

Como se pode ler no artigo publicado no Daily Mail, os investigadores afirmam que as bactérias encontradas nestes objetos podem provocar intoxicações alimentares, infeções e resistência a antibióticos.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×