14/10/19
 
 
Portugueses contam gastar cerca de 455 euros com regresso às aulas

Portugueses contam gastar cerca de 455 euros com regresso às aulas

Jornal i 22/08/2016 12:26

Este ano, as famílias portuguesas fazem contas e esperam gastar menos 73 euros do gastaram no ano passado (528 euros) com as despesas do regresso às aulas.

Esta conclusão surge de um estudo do Cetelem, que afirma que este é o valor mais baixo desde 2013. Sendo que fica ainda claro que cerca de 27% dos consumidores pretende utilizar o Cartão de Crédito para fazer face a este tipo de despesas.

Outro dado importante é que o número de inquiridos a pensar gastar entre 500 a 750 euros diminuiu (6% face a 14% em 2015), mas o número de famílias a pensar gastar mais de 1 500 aumentou. Nestas despesas incluem-se mensalidades da escola, vestuário e material escolar.

Mais crédito

Embora mais de metade dos consumidores não pretenda utilizar esta forma de pagamento, os cartões de crédito são opção para cerca de 32% das famílias com filhos em idade escolar. Quem recorre a este tipo de solução, pretende gastar, em média, 236 euros: um valor que tem vindo a baixar desde 2013 (2013: 376 euros; 2014: 274 euros; 2015: 267 euros). Ainda assim, os dados da Cetelem esclarecem que cerca de 24% dos consumidores, que admite recorrer ao crédito, não faz contas de gastar mais de 99 euros através desta modalidade.

O estudo foi feito com base numa amostra representativa de 600 indivíduos residentes em Portugal Continental, de ambos os géneros e com idades compreendidas entre os 18 e os 65 anos.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×