14/11/18
 
 
ADSE. Beneficiários já não vão ter de pagar próteses

ADSE. Beneficiários já não vão ter de pagar próteses

José Sérgio Marta F. Reis 24/05/2016 09:20

Recuo foi comunicado aos sindicatos

A ADSE recuou na decisão de instituir um copagamento até 200 euros de próteses por parte dos beneficiários. A decisão foi comunicada ontem aos sindicatos. Segundo avançou o “Público”, este foi o único recuo comunicado aos sindicatos e o ministério da saúde comprometeu-se a estudar alternativas à medida agora suspensa.

A restante tabela, que pressupõe sobretudo reduções nos preços a pagar aos convencionados, é suposto arrancar a 1 de junho. Mas o sector privado tem também a expectativa de que a ADSE reveja alguns valores, nomeadamente de exames médicos e cirurgias oftalmológicas. Os sindicatos, ouvidos pelo "Público", também ainda não estão satisfeitos. 

A ADSE estima uma poupança anual de 4 milhões de euros com a nova tabela. Já os beneficiários passam a gastar menos um milhão de euros,  o que significa que os privados com acordo com o subsistema de saúde dos funcionários públicos se prepararam para perder 5 milhões de euros de faturação por ano.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×