24/6/17
 
 
Torne-se pontual em 9 passos

Torne-se pontual em 9 passos

Shutterstock Joana Marques Alves 21/04/2016 10:26

Há pessoas que chegam a horas a todo o lado, outras pedem sempre “mais cinco minutos”.

Para evitar ter que pedir desculpa sempre que marca um encontro e chega atrasado, a revista TIME fez uma lista de 9 dicas que o podem ajudar a ser mais pontual.

1.    Levantar ‘à primeira’: Esqueça o snooze (o botão que adia o alarme). Quando o alarme toca, é para levantar logo. Dianne Gottsman, uma ‘expert’ em etiqueta e dona da Protocol School of Texas, dá uma sugestão para acabar com este péssimo hábito: Coloque o despertador fora do seu alcance – assim é obrigado a sair da cama para o desligar.

2.    Planeie o pequeno-almoço… ao jantar: Todos temos pressa de manhã e, como não temos nada organizado, o pequeno-almoço faz com que nos atrasemos ainda mais. Gottsman recomenda que se faça um planeamento da manhã na noite anterior: o pequeno-almoço, a indumentária, tudo o que precisa de tratar mal se levanta.

3.     Terminar as tarefas a tempo: As pessoas que se costumam atrasar têm tendência para passarem de uma tarefa para a outra sem terminarem a primeira, explica Julie Morgenstern, autora de Time Management from the Inside Out. Para além de planear o dia, as pessoas pontuais têm consciência do tempo e gerem bem o que têm para fazer. Assim, o melhor é perguntar a si mesmo: “Quanto tempo vou demorar a fazer isto” e agendar o resto das coisas para depois desse tempo previsto.

4.    Reconheça padrões… e corrija-os: Por exemplo, se passa a vida a voltar a casa para ir buscar o carregador do telemóvel, deixe um no local de trabalho. Se nunca encontra as chaves de casa, arranje um sítio específico para as deixar todos os dias. “É preciso conhecer bem as suas idiossincrasias “ para se tornar pontual, explica Gottsman.

5.    Ter noção da parte psicológica: Não é bom ter sempre itens por preencher na ‘lista de coisas a fazer’. As pessoas que chegam sempre atrasadas têm medo de esperar pelo outro ou de ficarem sozinhas, sem nada que as ocupe, diz Morgenstern. Estão inconscientemente a tentar estar sempre atarefadas para não sentirem um vazio. Morgenstern diz que é preciso saber lidar com isso – quando sentir que fez tudo a tempo e que agora não tem nada para fazer, nem com quem falar, dedique-se a tarefas mais simples, como pôr os e-mails em dia ou ler um livro.

6.    ‘Só mais uma coisa’: Esqueça esta expressão. Não tente fazer ‘só mais uma coisa’ antes de sair do trabalho ou de pegar no carro para ir jantar com os amigos. Este impulso pode fazer com que perca muito mais tempo do que está à espera. “Comece a tentar perceber quando se trata de um impulso ou não”, sugere Morgenstern.

7.    Arranje uns intervalos: As pessoas que têm sempre tempo para fazer tudo tiram sempre uns intervalos para ‘respirar’. Se andar sempre a correr de um lado para o outro sem parar vai acabar por se cansar, acumular tarefas e não cumprir o horário que estipulou. Morgenstern aconselhe a fazer um pausa de manhã e outra à tarde para relaxar um pouco e organizar-se.

8.    Comece a ‘medir o tempo’: Morgenstern aconselha a tentar planear três dias seguidos, estando atento ao tempo que passa no trânsito, no elevador, a sair de casa, a fazer tudo. Pode custar ao início, mas depois torna-se um hábito que o vai ajudar muito.

9.    Conhecer bem os níveis de energia: As pessoas pontuais sabem em que altura do dia é que podem fazer certas tarefas, de acordo com a quantidade de energia que possuem. Comece a perceber qual a altura me que está mais cansado para fazer certas coisas. Se estiver exausto, é provável que se atrase a fazer o que se propôs a realizar. Deixe os trabalhos mais simples para as alturas em que está mais cansado e aproveite os ‘picos’ de energia para se dedicar às tarefas mais difíceis.

joana.alves@ionline.pt

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

Não tem utilizador? Clique aqui para registar

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×