27/11/21
 
 
Costa responde "não" à Comissão Europeia

Costa responde "não" à Comissão Europeia

Miguel Silva Margarida Davim 19/04/2016 21:25

A terceira avaliação da Comissão Europeia pós-programa de ajustamento veio com um aviso: o aumento do salário mínimo tem um impacto negativo no desemprego de longa duração. Mas António Costa nem quer ouvir falar em recuo na promessa de acabar a legislatura com o salário mínimo nos 600 euros. E usou o discurso do 43.º anoversário do PS para deixar isso bem claro.

"Não, nós não aceitamos viver num país de pobreza e baixos salários", respondeu o secretário-geral do PS, lembrando que a matriz do partido está no combate à desigualdade social.

"Estivemos sempre do lado certo da luta pela coesão social", afirmou, lembrando o papel do PS na criação do Serviço Nacional de Saúde, do pré-escolar, do Rendimento Social de Inserção e do Complemento Solidário para Idosos.

António Costa tinha convidado todos os ex-líderes para a festa no Largo do Rato. Mas só Ferro Rodrigues marcou presença na celebração que começou com um concerto de José Alberto Moniz e continuou com um cocktail no jardim da sede socialista, com direito a DJ.

Mário Soares e Jorge Sampaio não estiveram presentes por motivos de saúde, Vítor Constâncio e António Guterres, ambos com responsabilidades internacionais, não foram por questões de agenda e António José Seguro e José Sócrates não quiseram roubar os holofotes a Costa.

Quem não faltou foi João Soares. Mesmo depois da polémica que levou à sua saída do Governo e mantendo a atitude que o levou a ir à tomada de posse do seu sucessor, Soares esteve na festa e levou a sua filha mais nova.

Lilah Soares, de apenas nove anos, subiu ao palco para ler um poema de Sophia de Melo Breyner aos militantes do PS, com a pose segura e talento que herdou da avó Maria Barroso.

Descontraída, Lilah foi uma das estrelas da festa. Depois de declamar a poesia, posou para os fotógrafos ao lado de António Costa que fez questão de a mencionar várias vezes no discurso como um símbolo da juventude para a qual o Governo está a trabalhar.

Ler Mais


×

Pesquise no i

×