22/9/18
 
 
Deco alerta para compras feitas no Facebook

Deco alerta para compras feitas no Facebook

Shutterstock Marta Cerqueira 11/04/2016 17:25

A Deco garante que vai estar atenta às reclamações dos consumidores

A Deco tem recebido várias queixas relativas a negócios feitos no Facebook. As lojas no Facebook, lembra a Associação Portuguesa para a Defesa do Consumidor, na sua maioria não se encontram registadas como empresas em Portugal, não possuem um endereço físico de contacto, e por vezes não se tratam de vendas de comerciantes para consumidores, mas sim vendas entre particulares, o que dificulta a mediação em caso de conflito.

Um dos conselhos deixados é para que seja sempre garantida uma morada física da loja. Quanto às formas de pagamento, caso a loja permita o pagamento à cobrança, por transferência bancária ou por MB, na receção do produto, estas são as formas mais seguras.

A associação aconselhou também os consumidores a ficarem com um comprovativo da encomenda com todos os elementos: descrição do produto, preço, morada do vendedor e prazo de entrega. Tratando-se de uma compra à distância, tem sempre um prazo de 14 dias para reclamação, no entanto, esta faculdade só se aplica a negócios entre comerciantes e consumidores, caso tenha adquirido o produto junto de um particular, não existe esta possibilidade.

Se o consumidor tiver efetuado uma compra numa loja Facebook, e não tenha recebido o produto dentro do prazo, deverá, segundo a Deco, optar entre cancelar a compra e solicitar o reembolso do valor pago, ou interpelar a empresa para proceder à entrega num novo prazo.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×