20/11/18
 
 
SEF. Existem fronteiras externas em Portugal sem controlo

SEF. Existem fronteiras externas em Portugal sem controlo

Lusa Jornal i 05/01/2016 12:13

Existem “quebras de segurança pontuais” em Portugal devido à falta de pessoal no Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), disse o presidente do Sindicato da Carreira de Investigação e Fiscalização do SEF ao Diário de Notícias (DN).

Acácio Pereira revelou que alguns acessos e saídas do país estão sem controlo “por falta de pessoal no SEF”. Isto porque o organismo devia ter 1000 inspetores mas tem apenas 710". Amanhã, 45 pessoas começam a estagiar, mas o dirigente sindical diz que está é apenas “uma gota no oceano”.

"Pontualmente, há fronteiras aeroportuárias e marítimas de menor dimensão que encerram por não haver pessoal suficiente para manter os postos de controlo do SEF a tempo inteiro", disse ao DN. Acácio Pereira considera que esta é uma situação grave, tendo em conta principalmente a “ameaça terrorista e da crise migratória na União Europeia".

"Alguns departamentos encerram à noite por falta de gente, há outros funcionários que se desdobram em turnos, há controlos que não são feitos e há atrasos nas autorizações de residência para investimento (vistos gold)”, acrescenta.

De acordo com o mesmo órgão de comunicação, a ministra da Administração Interna, Constança Urbano de Sousa, recebe amanhã o sindicato para discutir estas falhas de segurança.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×