23/10/19
 
 
Rui Miguel Tovar 12/12/2015
Rui Miguel Tovar
Desporto

rui.tovar@ionline.pt
@ruimtovar

12 Dezembro 2004. Vítor Baía, o mais bem sucedido

Porto levanta Taça Intercontinental, em Tóquio (vs. Once Caldas)

Scirea, Tacconi, Cabrini, Brio e Blind: só há cinco jogadores que se orgulham de terem ganho as quatro competições europeias (Taça dos Campeões, Taça das Taças, Taça UEFA e Supertaça Europeia) mais a Taça Intercontinental. A nível nacional, só o guarda-redes Vítor Baía se aproxima deste quinteto. Falha apenas a Supertaça Europeia. De resto, ganha a Taça das Taças-97 (Barça) mais a Taça UEFA-2003, a Liga dos Campeões-2004 e a Taça Intercontinental-2004 (tudo pelo FC Porto). Esse troféu é ganho precisamente a 12 de Dezembro, em Tóquio, num jogo com os colombianos do Once Caldas (0-0 e 8-7 nos penaltis) em que Baía é substituído por Nuno no prolongamento, por lesão. E é por isso que o vice-capitão Jorge Costa levanta a taça.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×