21/10/19
 
 
Rui Miguel Tovar 08/12/2015
Rui Miguel Tovar
Desporto

rui.tovar@ionline.pt
@ruimtovar

8 Dezembro 1970. Bento substitui Yashin na festa de Coluna

Vestido de preto, como o russo

A cumprir a quarta época no Barreirense, Bento começa a suscitar interesse de outros clubes, como o Benfica. A primeira investida para a aquisição do guarda-redes é infrutífera. O Barreirense declara Bento inegociável. A 8 de Dezembro de 1970, há festa de despedida de Coluna na Luz. Benfica vs Resto do Mundo. Yashin é uma ausência de última hora. É Bento quem salta entre os postes, vestido de preto como o russo. E brilha intensamente. A partir dessa noite, o Benfica não mais larga o Barreirense para contratar o guarda-redes, o que só sucede em Agosto de 1972. Durante dez épocas (1976-86), Bento é o dono da baliza encarnada e até inscreve o curioso recorde (entretanto batido por Vítor Baía) de 1065 minutos, sem sofrer golos na 1.ª divisão.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×