18/10/19
 
 
Rui Miguel Tovar 27/11/2015
Rui Miguel Tovar
Desporto

rui.tovar@ionline.pt
@ruimtovar

27 Novembro 1966. Hernâni foge da polícia

Ex-avançado do Porto agride árbitro no túnel da Luz.

Em dia de Benfica-FC Porto (3-0), para o campeonato nacional, o resultado acaba por ser o menos importante. Os portistas protestam com o árbitro Samuel de Abreu (Santarém) logo desde o início e é evidente o mal-estar. Um golo de Eusébio a dar, ainda cedo, vantagem no marcador mais agudiza a situação. Que se torna insuportável com a expulsão de Pavão. E não só. Hernâni, ex-avançado do FCP, é o delegado ao jogo e agride Samuel de Abreu no túnel. O árbitro identifica-o e chama a polícia, que entra pelo balneário do FC Porto adentro. Hernâni já não anda ali. Com o risco de ser preso, abandona rapidamente o Estádio da Luz e chega à estação de Santa Apolónia para apanhar o próximo comboio para o Porto. Nunca mais Hernâni é delegado ao jogo.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×