6/4/20
 
 
Cuidado que essa Rosa vai te pegar

Cuidado que essa Rosa vai te pegar

Tiago Pereira 29/10/2015 19:15

“O Lobo atrás da Porta”
****

Se é para contar uma história que ouvimos ou vimos antes, de outra maneira e com outros heróis, então que seja porque 1. a trama não larga o espectador, atira-se como fazem as boas feras e está feito; e porque 2. os protagonistas são os acertados para querermos saber como tudo isto acaba.

E nada de usar a desculpa “mas isto é baseado numa história verdadeira” que isso das coisas verídicas nem sempre é garante de uma boa sessão de cinema.

“O Lobo Atrás da Porta” faz tudo isto, incluindo a parte de se inspirar num acontecimento concreto, quando uma criança desapareceu no Rio de Janeiro e se tornou um caso de polícia mediático na década de 60. Ninguém sabe de Clarinha.

O pai e a mãe estão na polícia, ele diz que sabe quem foi, o filme leva--nos ao passado, quando Rosa (Leandra Leal) aparece na vida de Bernardo (Milhem Cortaz). Estamos na cama com os dois amantes mas depois Rosa quer mais, ele não, a coisa evolui para uma espécie de atracção fatal, menos elegante, bem mais suada, mas com as doses certas na mistura drama/thriller para que não digamos adeus antes de saber quem esconde a rapariga. Pelo meio não há praia nem calçadão, não há exércitos nas favelas nem malandragem charmosa.

É o Rio de Janeiro, é sim, mas nas ruas que habitualmente não vemos. Até a sedução dos actores começa e acaba em Leandra Leal, cuja personagem se envolve com um homem que numa conversa de rua banal haveria de gerar comentários como “mas o que é ela viu nele”. Ou seja, tudo bem verosímil, como se quer quando o que importa é convencer alguém de que aquela fita não é brincadeira não. 

“O Lobo atrás da Porta”
****
De Fernando Coimbra 
Com Leandra Leal, Milhem Cortaz, Fabiula Nascimento
 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×