17/11/18
 
 
Eles estão em pulgas por ter uma casa
Em 2014, quase 32 mil animais chegaram aos canis e gatis municipais

Eles estão em pulgas por ter uma casa

Em 2014, quase 32 mil animais chegaram aos canis e gatis municipais D.R. Marta Cerqueira 25/09/2015 21:30

A lei que criminaliza os maus-tratos e abandono de animais tem ajudado a diminuir o número de cães e gatos que dão entrada em abrigos. Aproveitando a onda positiva, a Bayer criou a campanha “Em pulgas para te conhecer”, que incentiva a adopção.

São números que não deixam ninguém orgulhoso. Em 2014, quase 32 mil animais chegaram aos canis e gatis municipais, de acordo com dados da Direcção-Geral de Alimentação e Veterinária, número que é 41% mais alto do que em 2010 e 135% mais alto do que em 2008.

A boa notícia é que, este ano, parece ter sido de consciencialização: os números de animais a dar entrada em abrigos municipais diminuiu logo nos primeiros meses do ano e espera-se que, com a entrada em vigor da lei que passou a criminalizar os maus-tratos e abandono dos animais, os números de 2015 sejam mais reduzidos.

Entre Outubro, quando entrou em vigor esta lei, e o final de Junho deste ano registaram-se 2239 queixas na GNR enquadradas no diploma, embora apenas 50 tenham tido seguimento com processo criminal. Há muitos animais abandonados que não estão identificados com chip, o que torna difícil, se não impossível, identificar e localizar os donos.

Apesar de os dados estarem longe de mostrar um cenário perfeito, a tendência é de melhoria. Mesmo assim, quem lida com este fenómeno sabe que a mudança de comportamentos nem sempre é imediata e, por isso, foi lançada uma campanha que procura ajudar a acelerar o processo. “Em pulgas para te conhecer” quer contrariar a tendência de abandono e incentivar a adopção de um animal.

A iniciativa é da Bayer HealthCare, concretizada em conjunto com sete associações de animais espalhadas por todo o país. Juntas, pretendem dar uma nova família ao maior número de animais possível, fomentando, no entanto, uma adopção responsável.

Por cada animal adoptado numa destas sete associações, a Bayer HealthCare concede ao adoptante um kit de boas-vindas para o animal, constituído por um saco “Eu <3 o meu cão/gato”, um calendário com íman, uma gamela, uma toalha, um boletim de vacinas, uma bolsa e um rolo de sacos higiénicos.
Esta campanha já está em vigor e decorre até 31 de Dezembro. 
 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×