7/4/20
 
 
Cisjordânia. Palestiniano morre ao tentar atingir soldados israelitas

Cisjordânia. Palestiniano morre ao tentar atingir soldados israelitas

Shutterstock Jornal i 22/09/2015 14:38

Durante a madrugada os soldados israelitas terão sido atacados duas vezes.

Dia al-Talameh, um palestiniano de 21 anos, morreu na madrugada de hoje perto de Hebron, no sul da Cisjordânia enquanto usava um artefacto explosivo, com o qual pretenderia atingir soldados israelitas. A informação foi dada pelo exército de Israel e por moradores da região que assistiram ao acidente.

De acordo com fontes palestinianas, o indivíduo teria morrido ao ser atingido por tiros do exército israelita mas um porta-voz do exército de Israel desmentiu e disse à AFP que a vítima faleceu ao ter manuseado de forma incorrecta o artefacto explosivo. A versão foi confirmada por moradores.

Segundo fontes do exército, Israel enviou uma unidade de soldados para libertar uma estrada que se encontrava bloqueada por pedras na zona de Hebron. Pouco depois foi ouvida uma explosão. “Os soldados ouviram uma explosão e, depois de várias buscas, encontraram o corpo do palestiniano que faleceu vítima do artefacto explosivo que pretendia lançar contra um dos nossos veículos”, disse o porta-voz do exército.

Os incidentes contra o exército israelita continuam. Ainda esta madrugada, uma mulher ficou ferida em Hebron depois de ter tentado esfaquear um soldado. Para evitar o ataque, o exército abriu fogo, segundo fontes do exército de Israel.

Estes incidentes acontecem pouco depois dos confrontos de segunda-feira entre palestinianos e as forças israelitas.

Para evitar mais confrontos durante a celebração do feriado de Yom Kipur aos judeus, Israel fechou as passagens da Cisjordânia e mobilizou milhares de polícias.

Na semana passada, a mesquita Al-Aqsa, no Monte do Templo foi cenário de confrontos entre palestinianos e a polícia israelita durante três dias seguidos.

Desde 1948 e até aos dias de hoje, as forças israelitas continuam a ocupar casa vez mas território na Palestina e a atacar os palestinianos.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×