25/8/19
 
 
Estes são os 10 recordes mais bizarros do Guinness

Estes são os 10 recordes mais bizarros do Guinness

Shutterstock Jornal i 28/08/2015 21:43

Não, não lhe vamos falar de quem comeu mais pizzas ou hambúrgueres. Destes recordes não está mesmo à espera.

O livro de recordes do Guinness foi criado a 27 de Agosto de 1955 e está agora a celebrar os 60 anos. Durante estas várias décadas de existência tanto há recordes desportivos como de tentativas bizarras de entrar para este “painel de honra”.

Ainda assim, anualmente apenas são aceites 6.000 das cerca de 50.000 candidaturas enviadas dos quatro cantos do mundo.

1. 1988: Blackie tornou-se no gato mais rico do mundo depois de a dona morrer e lhe ter deixado a módica quantia de 11 milhões euros.

2. 1998: Suresh Joachim do Sri Lanka teve a viagem mais longa de escadas rolantes, com mais de 225 quilometros de distância, no centro comercial Westfield em Burwood, na Austrália.

3. 1999: Gary Bashaw conseguiu o recorde de maior quantidade de leite com chocolate expirado pelo nariz. A quantidade? 50 mililitros.

4. 2001: Smudge, um papagaio, estabeleceu o recorde de mais chaves removidas de porta-chaves por um papagaio. Foram 10 em apenas dois minutos. Em 2009 actualizou o recorde para 22.

5. 2004: Chad Fell soprou o maior balão de pastilha elástica do mundo, na Double SpringsHigh School em Alabama, nos EUA.O balão atingiu 20 inches (o equivalente a mais de 50 centímetros).

6. 2008: Kevin Shelley conseguiu o recorde do maior número de sanitas partidas num minuto – 46 –, na Alemanha.

7. 2009: Melvin Boothe conseguiu o recorde do homem com as unhas das mãos mais longas de sempre. Quando foram medidas tinham 3,8 inches (o equivalente a 9.7 centímetros).

8. 2011: Pete Glazebrook mostra ao mundo a cebola mais pesada de sempre, com 17 pounds, (quase 8 kg), no norte de Inglaterra.

9. 2014: Ranmaru, um Labradoodle Australiano (uma raça canina), tem as maiores pestanas caninas, com 6.69 inches (o equivalente a mais de quase 17 centímetros).

10. Data desconhecida: Micronecta scholtz, é um tipo de insecto aquático, e foi reconhecido por ter o pénis mais barulhento do mundo, atingindo 99.2 decibéis. O barulho é descrito como “equivalente a estar sentado na linha da frente a ouvir uma orquestra”.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×