2/6/20
 
 
Rui Miguel Tovar 19/08/2015
Rui Miguel Tovar
Desporto

rui.tovar@ionline.pt
@ruimtovar

Otto Glória profissionaliza Benfica

19 de Agosto de 1954. Adeus ao amadorismo, viva a nova era do futebol português.

Neto de portugueses, Otto Glória nasce no Brasil mas é em Portugal que faz história.

Treina Benfica, Sporting, Belenenses, FC Porto e a selecção portuguesa rumo ao terceiro lugar no Mundial-66, tendo-lhe pertencido também o comando da selecção no início da qualificação para o Euro 84.

Quando Otto chega a Lisboa em 1954, é para limpar a face ao futebol amador português.

O Benfica contrata-o para profissionalizar o clube e Otto Glória revela-se à altura do desafio. Cria o Lar do Jogador, implementa concentrações e estágios com regras rígidas (os jogadores estão proibidos de jogar cartas ou dados e de falar calão) e proibe o próprio presidente do clube (Joaquim Bogalho) de ir ao balneário ou falar com os futebolistas.

É este o caminho do futuro.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×