22/7/19
 
 
Estados Unidos. Congresso rejeita acordo com o Irão
A nova relação entre Washington e Havana também não tem reunido consenso

Estados Unidos. Congresso rejeita acordo com o Irão

A nova relação entre Washington e Havana também não tem reunido consenso MICHAEL REYNOLDS/EPA Francisco Castelo Branco 27/07/2015 17:01

Presidente Barack Obama veta diploma que será aprovado numa segunda votação.

O encontro realizado na semana passada entre eurodeputados e congressistas norte-americanos em Washington serviu para discutir alguns assuntos que preocupam a União Europeia e os Estados Unidos. Na agenda da “Semana Transatlântica” estiveram a protecção de dados, o mercado digital, a energia e o Tratado de Comércio (TTIP). As reuniões também contaram com a presença de empresas dos dois continentes.

A eurodeputada socialista Ana Gomes teve vários encontros com representantes do congresso, tendo revelado ao i pormenores dos temas que estiveram em cima da mesa. Ana Gomes explicou que “os norte-americanos querem baixar as expectativas dos europeus em relação ao tratado de comércio” já que “não se trata de uma prioridade para Washington porque querem fechar em primeiro lugar um acordo com a Ásia-Pacífico”.

Neste momento, o ambiente político nos Estados Unidos é dominado pela conclusão das negociações com o Irão e a aproximação ao regime cubano.

O recente acordo entre os Estados Unidos e Teerão sobre o enriquecimento nuclear não vai ser aprovado no congresso norte-americano. Ana Gomes explica que “em Setembro o acordo que será chumbado vai ser vetado pelo presidente Barack Obama”. No entanto, quando voltar à Câmara de Representantes para ser votado o diploma tem mais hipóteses de aprovação.

A nova relação entre Washington e Havana também não tem reunido consenso no seio da classe política.

O início da pré-campanha eleitoral teve o condão de agitar os candidatos do Partido Republicano. A eurodeputada garante que “a estrutura ficou dividida, além de existir controvérsia em relação à candidatura de Donald Trump”. No lado democrata a nomeação de Hillary Clinton está “bem encaminhada”. 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×