20/10/20
 
 
Remodelação em Atenas. Tsipras deixa cair três ministros
Remodelação já era esperada

Remodelação em Atenas. Tsipras deixa cair três ministros

Remodelação já era esperada ALEXANDROS VLACHOS/EPA Cláudia Sobral 17/07/2015 18:46

Tsakalotos mantém-se como ministro das Finanças grego.

O primeiro-ministro grego não conseguiu completar seis meses de governo sem uma remodelação. Alexis Tsipras saiu fragilizado da votação do novo pacote de austeridade esta quarta-feira no parlamento - em que 39 dos 64 deputados dos partidos no poder contrariaram o seu apelo e votaram "não" - e era uma questão de dias para que houvesse mudanças no executivo, anunciadas ao início da noite desta sexta-feira.

Euclid Tsakalotos, que substituiu o mediático Yanis Varoufakis depois do seu afastamento (Varoufakis estava entre os que votaram "não" à austeridade), mantém a pasta das Finanças. Segundo avançou a Reuters, terá como seu vice Tryfon Alexiadis, em substituição de Nadia Valvani, que já tinha anunciado a demissão no dia em que o novo pacote de austeridade foi levado ao parlamento.

Além de Valvani, ficaram a conhecer-se esta sexta-feira outras duas baixas no executivo de Alexis Tsipras: a de Panagiotis Lafazanis, que já era esperada (o ministro da Energia lidera a oposição ao primeiro-ministro dentro do Syriza), e ainda a do porta-voz do governo, Gabriel Sakellaridis. Lafazanis será substituído pelo atual ministro do Trabalho, Panagiotis Skourletis; Sakellaridis dará lugar a Olga Gerovasili.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×