20/9/18
 
 
Heitor Lourenço: "Vivemos tempos difíceis"

Heitor Lourenço: "Vivemos tempos difíceis"

Facebook Heitor Lourenço Jornal i 03/07/2015 20:11

Heitor Lourenço foi detido num aeroporto de Paris, França, depois de ter sido confundido com um terrorista.

O actor português usou a sua página oficial do Facebook para agradecer o apoio que tem recebido e para explicar o que aconteceu.

“Quero agradecer a todos pelas palavras, pelo apoio e pela preocupação. Asseguro-vos que estou bem e sempre estive. Todo o processo se desenrolou normalmente, dentro da estranha anormalidade. Vivemos tempos difíceis e as ameaças terroristas estão cada vez mais presentes”, explica Heitor.

“Devemos encontrar maneiras (os que podem e não estão sob a influência directa de sofrimento, claro está) de vencer o medo, que é uma outra forma de terrorismo que nos é infligido. Devemos resistir ao combate da agressão com outra agressão, para que ela não aumente. Devemos cultivar a calma e a clareza de espírito nas situações difíceis, para podermos pensar nas respostas mais adequadas. Isto, obviamente, vale o que vale e é só a opinião de uma pessoa igual a outra qualquer, e às vezes, até bastante tonta”, sublinha Heitor Lourenço, que esteve seis horas preso no aeroporto.

“De qualquer forma foi o que tentei fazer durante todo este processo, quase anedótico, quando estava com a polícia do aeroporto de Orly ( com a qual acabei, depois da situação resolvida, por partilhar bons momentos). Acho que foi esta tentativa que permitiu que tudo se resolvesse de forma rápida e positiva. Uma última palavra de solidariedade para o meu "denunciante", que por ser um pai extremoso e uma pessoa preocupada, atuou como atuou. Já conversamos bastante e até ficamos amigos. E agora, é continuar a viagem. Sem medos”, acrescenta.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×