19/11/18
 
 
Mulher despedida por apagar aplicação que fornecia a sua localização

Mulher despedida por apagar aplicação que fornecia a sua localização

Google Maps Jornal i 12/05/2015 17:58

Myrna Arias teve que instalar uma aplicação para que a entidade patronal tivesse acesso à sua localização.

Já imaginou se a empresa onde trabalha quisesse saber a sua localização 24 horas por dia? Por exigência da empresa onde trabalhava, Myrna Arias, uma mulher norte-americana, teve que instalar uma aplicação no seu telemóvel para que a entidade patronal tivesse sempre acesso à sua localização.

De acordo com o "The Guardian", Myrna Arias decidiu apagar a aplicação e a consequência foi... acabou por ser despedida. Agora, Myrna decidiu processar a empresa e alega que não concordava em ser controlada fora do horário de trabalho.

Esta aplicação permitia que a empresa visse a localização de cada funcionário através do Google Maps. A antiga funcionária pediu uma indemnização de cerca de 500 mil euros.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×