23/9/20
 
 
Paraguai. Menina de 10 anos impedida de abortar

Paraguai. Menina de 10 anos impedida de abortar

DR Jornal i 06/05/2015 19:09

Autoridades do Paraguai rejeitaram o pedido de aborto. Menina foi alegadamente violada pelo padrasto.

Uma menina, de 10 anos, está grávida de cinco meses. Mas as autoridades do Paraguai rejeitaram o pedido de aborto. A gravidez foi confirmada há duas semanas, depois de a mãe a ter levado ao hospital por causa de fortes dores.

A mãe já tinha denunciado ser possível a criança ter sido abusada pelo padrasto, que fugiu. A progenitora pediu para que fosse feito um aborto mas o pedido foi recusado. “O aborto é uma opção que descartámos completamente”, foi a resposta.

No Paraguai nunca foi feito um aborto no caso de uma criança ficar grávida. Sendo que, de acordo com o “Público”, em 2014, 680 crianças com idades entre os dez e os 14 anos foram mães.

Um caso que fez com que várias organizações não-governamentais fizessem pressão para que o Paraguai mude de opinião. 

Recorde-se que, há pouco tempo, uma criança portuguesa, de 12 anos, engravidou. Mas vai poder abortar. A deliberação foi comunicada pela comissão de obstetras, pediatras e pedopsiquiatras ao Ministério Público. 

 

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×