24/9/18
 
 
Lili Caneças: “É raro comer marisco. Não sou rica e marisco é caríssimo”

Lili Caneças: “É raro comer marisco. Não sou rica e marisco é caríssimo”

José Sérgio Jornal i 11/09/2018 16:36

Nunca se desliga das redes sociais - a socialite admite que as fotografias no Instagram são uma constante. Além de ter de levar sempre o telemóvel, Lili Caneças revela que o batom cor-de-rosa é indispensável

Verão é sinónimo de... 

Férias, praia, estar com os meus filhos, estar com os meus netos, estar com os amigos, sunsets, DJ’s, música e tomar um copo no fim do dia.

Conte-nos quais foram as suas melhores férias.

Isso é impossível, porque eu fui a todos os sítios e conheci todas as pessoas que quis conhecer. Portanto, tive uma vida muito privilegiada. 

E as piores? 

Como o Herman costuma dizer: pior não existe na minha vida, a não ser que estejamos a falar de mortes. 

Praia de eleição? 

O Guincho. Fui toda a vida para aquele lugar.

A que horas vai para a praia? 

Vou mesmo às piores horas porque, como me levanto tarde, não consigo ir muito cedo.

Faz desporto ou exercício físico durante as férias? Qual? 

Faço ginásio pelo menos duas vezes por semana e aulas de prolongamento e atitude - uma coisa entre ioga e pilates. 

Qual é a melhor bola-de-berlim?

Era a da Sra. Maria, dos bolos de Cascais. Quando eu era miúda, as bolas--de-berlim eram um estrondo. Mas a Sra. Maria já morreu, por isso já não como uma bola-de-berlim há 20 anos, e também porque tenho cuidado com a alimentação.

De que marisco não prescinde nesta época? 

É raro comer marisco porque não sou rica e o marisco é caríssimo.

Férias é sinónimo de mais fotografias no Instagram ou de estar em modo offline durante dias? 

Eu tiro sempre fotografias no Instagram. Por isso, nunca estou desligada das redes. 

Qual o objeto que leva sempre consigo na bagagem? 

Levo sempre o telemóvel e um batom cor-de-rosa, porque é a minha imagem de marca.

Com que figura pública gostaria de ir de férias e porquê? 

Acho que é melhor pôr ao contrário: quem gostaria de ir com a Lili?

Se encontrar Marcelo Rebelo de Sousa na praia pede para tirar uma selfie? 

Não, é a única pessoa a quem não peço uma selfie, porque o Marcelo já tirou selfies com 9,9 milhões de portugueses.

Filme, livro e música que levava para uma ilha deserta? 

Filme, levava “La Dolce Vita”, de Fellini. Livro, levava “Homens Imprudentemente Poéticos”, do Valter Hugo Mãe. Música, levava “Eu Sei que Vou Te Amar” do Vinicius de Moraes.

O que não faz enquanto está de férias?

Aturar pessoas chatas! Eu tenho direito a dizer não, no verão dou-me a esse luxo. 

Qual a viagem que ainda não fez e não pode deixar de fazer? 

Quero ir a Sydney ouvir uma ópera na Ópera de Sydney, porque adoro arquitetura e adoro música. Mas, antes desta, quero fazer uma volta ao mundo. 

Vai cometer excessos nestas férias?

Ai não, que eu estou mais gorda. Engordei cinco quilos, estou num desespero, e o meu único inimigo é a balança. Tenho imenso cuidado, mas os chocolatinhos... de vez em quando lá vai um.
 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×