18/9/18
 
 
Bélgica. Causas da morte de jovem português podem demorar semanas

Bélgica. Causas da morte de jovem português podem demorar semanas

DR Jornal i 10/09/2018 18:00

Segundo o Ministério Público de Bruxelas esta segunda-feira será feita a autópsia ao corpo

Saber o que causou a morte do jovem português que foi encontrado sem vida no domingo à tarde em Bruxelas pode demorar “várias semanas”, afirma o Ministério Público (MP) da capital belga.

“Hoje [segunda-feira], faremos uma autópsia. Se for necessário, faremos exames toxicológicos. Caso estes sejam realizados, decorrerão várias semanas até que sejam conhecidos os resultados. Hoje, não saberemos dizer qual é a causa da morte do jovem rapaz", disse Ine van Wymersch, porta-voz da procuradoria de Bruxelas.

Van Wymersch confirmou que o corpo encontrado era de Miguel Amorim, o jovem português que estava desaparecido desde quinta-feira. O corpo foi encontrado por pessoas que passeavam na floresta de Soignes, a mesma zona onde o telemóvel do jovem tinha sido utilizado pela última vez.

"Rapidamente se percebeu que se tratava do jovem que procurávamos desde há vários dias. A sua família foi avisada ontem à noite. O médico legista esteve no local, mas a causa da morte não pôde ser determinada durante o dia de ontem, pelo que será necessário realizar uma autópsia”, avançou ainda a porta-voz.

A polícia tinha lançado um apelo para encontrar o jovem de 21 anos, filho de pais portugueses, e que tinha sido visto pela última vez na Universidade Livre de Bruxelas na quinta-feira de manhã, onde estudava.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×