19/9/18
 
 
Serena Williams acusa árbitro português de sexismo

Serena Williams acusa árbitro português de sexismo

AFP Jornal i 09/09/2018 10:55

A jogadora acusa o árbirtro de lhe ter atribuído uma terceira falta por ela ter dito que ele era 'ladrão', algo que a tenista afirma que nunca aconteceria se fosse com um homem

O caso aconteceu durante a final do Open US, em que Serena Williams disputava a vitória do torneio com a japonesa Naomi Osaka. A tenista acusou Carlos Ramos de lhe ter atribuído uma terceira penalização por ela ter dito “ladrão”. “Nunca a um homem foi retirado o jogo por causa de ele dizer ‘ladrão’”, disse a tenista na conferência de imprensa.

“Eu já vi outros homens a chamar isso a outros árbitros, eu estou aqui a lutar pelos direitos das mulheres e pela igualdade das mulheres em todo o tipo de situações”, afirmou Williams. “Eu acho que o tirar um jogo a uma mulher quando eu disse ‘ladrão’ é algo sexista, nunca a um homem foi retirado o jogo por causa de ele dizer ‘ladrão’”.

Serena Williams quer que o seu protesto sirva de exemplo para as pessoas que querem expressar a suas emoções de forma livre.

“Eu sinto que ter passado por esta experiência é apenas um exemplo para outras pessoas que tenham emoções, queira expressá-las e queira ser uma mulher forte, elas vão poder fazê-lo. Hoje pode não ter resultado para mim mas vai resultar no futuro para outra pessoa”, afirmou.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×