21/9/18
 
 
Marcelo lamenta morte da fadista Celeste Rodrigues

Marcelo lamenta morte da fadista Celeste Rodrigues

Luís Claro 01/08/2018 13:42

“Tinha de facto uma voz única”, diz o Presidente da República 

O Presidente da República lamenta a morte da fadista Celeste Rodrigues.

 “Celeste Rodrigues tinha de facto uma voz única, distinta da voz da sua mãe, distinta da voz da sua irmã Amália, distinta na sua independência, autonomia e sobretudo alegria”, escreve Marcelo Rebelo Sousa numa nota publicada na página da presidência da República.

Belém destaca que a fadista “herdou dos pais o gosto pela música” e “até ao fim da sua vida nunca perdeu a curiosidade de conhecer um mundo em permanente mudança, cantou com inúmeros artistas portugueses e internacionais, a todos conquistando com a sua amabilidade tão genuína”

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×