22/9/18
 
 
Mulher de 92 anos mata filho por não querer ir para um lar

Mulher de 92 anos mata filho por não querer ir para um lar

Jornal i 04/07/2018 10:51

Munida de um revólver, a mulher disparou à queima roupa contra o filho dentro de casa

Anna Mae Blessin, de 92 anos, matou o filho, de 72 anos, por este a querer colocar num lar. "Tiraste-me a vida, então tirei-te a tua", disse Blessin enquanto era escoltada da casa onde vivia com o filho e a namorada deste no Arizona, Estados Unidos. 

O filho queria colocar a mãe num lar por se ter "tornado difícil viver com ela". 

Tudo aconteceu quando a mulher, com duas armas escondidas no seu robe, se dirigiu ao quarto do filho para o confrontar. Com o início da discussão, a mulher sacou de uma arma e disparou contra o filho, matando-o instantaneamente. Ao ouvir o primeiro disparo, a namorada do filho, de 57 anos, dirigiu-se ao quarto. Aí, a mãe apontou-lhe uma das armas, mas numa disputa corpo-a-corpo a namorada foi capaz de lhe tirar as duas armas, chamando de seguida a polícia. 

Ao chegar à casa, as autoridades encontraram a mãe calmamente sentada numa cadeira, com esta a dizer aos agentes que "merecia ser abatida" por causa das suas ações. 

É acusada de homícidio qualificado, ofensa corporal qualificada e rapto. 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×