19/9/18
 
 
Moon Jae-in espera a paz através do encontro entre Trump e Kim Jong-un
AFP

Moon Jae-in espera a paz através do encontro entre Trump e Kim Jong-un

AFP Jornal i 11/06/2018 12:08

O Presidente da Coreia do Sul sabe que será um longo processo resolver todas as divergências entre os EUA e a Coreia do Norte, mas vê o encontro dos líderes como um "caminho para a paz".

Moon Jae-in, Presidente da Coreia do Sul, comentou esta terça-feira o encontro entre os presidentes dos Estados Unidos e da Coreia do Norte e espera que este seja "um marco histórico no caminho para a paz".

O líder sul-coreano afirmou que este é um encontro que “o mundo tem estado a desejar” e acrescentou ainda que deseja que surja “um acordo significativo” de ambas as partes.

Segundo a mensagem divulgada pelo gabinete de imprensa do Presidente, apesar dos elogios tecidos à “determinação” de Trump e de Kim Jong-un, Moon Jae-in deixa a nota de que as divergências entre os dois líderes dificilmente poderão ser ultrapassadas numa única reunião.

"Mesmo que ambos iniciem o diálogo, podemos precisar de um longo processo que levará um ano, dois anos ou talvez mais para resolver completamente os problemas que nos ocupam", disse o Presidente da Coreia do Sul.

Para Moon Jae-in será necessário um “esforço sincero” não apenas dos Estados Unidos e das Coreias, mas também dos vários países vizinhos, como a China, Rússia e Japão, que estiveram envolvidos em negociações anteriores acerca da desnuclearização da península.

A esperada cimeira entre Trump e Kim acontece em Singapura, às 09h00 de terça-feira (02h00 em Lisboa), e tem como principal objetivo o debate da desnuclearização do regime norte-coreano. Este é o primeiro encontro entre os líderes dos dois países depois de quase 70 anos de confrontos políticos e de 25 anos de tensão sobre o programa nuclear do país asiático.

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×