22/5/18
 
 
Multimilionários. Eles são cada vez mais e têm cada vez mais dinheiro

Multimilionários. Eles são cada vez mais e têm cada vez mais dinheiro

Sofia Martins Santos 17/05/2018 13:56

Relatório mostra que o número de multimilionários aumentou muito em 2017. Falamos de 2754 pessoas que têm mais de 7,7 biliões de euros

Numa altura em que muito se discute assimetrias salariais e contrastes sociais, os números do Billionaire Census 2018, elaborado pela Wealth-X, mostram que nunca houve tantos multimilionários. São cada vez mais e com fortunas cada vez maiores. 

No total falamos de 2754 multimilionários que, em conjunto, detêm uma riqueza superior a 7,7 biliões de euros. Para se perceber melhor do que estamos a falar, basta sublinhar quantos zeros implica. Nos EUA, o bilião é um número com nove zeros à direita do 1. Mas aqui estamos a falar de um número com 12 zeros.

De acordo com o relatório, a população mais rica aumentou 15% no decorrer de 2017, ultrapassando o recorde que foi atingido em 2015: 2473 multimilionários. São maioritariamente homens e investem em setores como finanças, banca, tecnologia, indústria e imobiliário. Além disso, a maioria recebeu grandes fortunas da família. Os dados do Billionaire Census mostram que mais de 40% são ricos por herança. No entanto, o relatório também destaca que “a tendência dos últimos 20 anos tem sido de um aumento gradual da proporção de multimilionários self-made”. 

O aumento foi global, embora se destaquem algumas zonas. Na Ásia-Pacífico, por exemplo, a fortuna acelerou 29%, para mil milhões de euros. Ainda assim, a Europa continua a ser o continente que reúne o maior número de multimilionários, com 29,8% dos mais ricos em todo o mundo. Segue-se a Ásia, com 28,5%, e a América do Norte, com 26,4%. Na linha da frente dos países onde as fortunas mais têm aumentado estão os EUA e a China. No primeiro caso falamos de 680 multimilionários no ano passado, com um total de 2,6 biliões de euros. Já a China conta com 338 multimilionários, com uma fortuna total de 908 mil milhões de euros. 

Já um outro relatório, publicado em novembro do ano passado, tinha mostrado esta tendência e evidenciava a situação em Portugal, onde o número de milionários também voltou a crescer. O Global Wealth Report 2017 mostrava que existiam 68 mil milionários no país. Em 2016 eram 61 mil. De acordo com o estudo, a estimativa era de crescimento, sendo de esperar haver, em 2022, aproximadamente 77 mil milionários em Portugal.

Há pouco tempo, a questão do aumento da riqueza em famílias específicas chamava a atenção num relatório da Oxfam, citado pelo Business Insider, que revelava que a elite que representa 1% da população tinha mais riqueza do que o resto da população mundial. 

O Business Insider mostrava ainda que na lista dos mais ricos do mundo estavam milionários de alguns dos países mais pobres. 

Já em relação à presença de mulheres na lista dos mais ricos do mundo pode dizer-se que também tem vindo a aumentar. No ano passado, as mulheres representavam já 11,65% deste grupo. Ainda assim, a “Forbes” mostrava este ano que no ranking dos multimilionários apenas existe espaço para 256 mulheres.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

Não tem utilizador? Clique aqui para registar

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×