20/2/18
 
 
Nikolas Cruz, o jovem de 19 anos que foi acusado de 17 homicídios

Nikolas Cruz, o jovem de 19 anos que foi acusado de 17 homicídios

Joana Marques Alves 15/02/2018 15:05

O atirador foi interrogado durante várias horas

O jovem de 19 anos que matou a tiro 17 pessoas no liceu de Parkland, na Florida (EUA), foi esta quinta-feira acusado de 17 crimes de homicídio premiditado.

De acordo com a imprensa norte-americana, Nikolas Cruz foi interrogado durante várias horas. O jovem de 19 anos ficou detido, sem fiança.

Nikolas Cruz, um órfão com um passado problemático, terá feito soar o alarme de emergência da sua antiga escola, de onde tinha sido expulso. Este sinal fez com que os alunos pensassem que se tratava de um exercício de simulação, o que os fez sair das salas e formar filas nos corredores.

De acordo com as autoridades, foi nessa altura que o jovem norte-americano, equipado com granadas, uma máscara antigás e munições para a sua arma AR-15, começou a disparar contra os alunos.

Antigos colegas de Cruz descrevem-nos como um jovem volátil, com comportamentos estranhos. Nicholas e o seu irmão Zachary foram adotados pelo casal Cruz, mas acabaram por ficar órfãos: a sua mãe morreu no passado dia 1 de novembro, vítima de pneumonia e o seu pai partiu alguns anos antes, com um ataque cardíaco.

O tiroteio fez 17 mortos e 14 feridos, que foram hospitalizados. Trata-se do tiroteio mais sangrento numa escola dos últimos cinco anos.

Na Florida, um jovem de 18 anos pode comprar e deter armas de fogo, desde que tenha a autorização dos pais ou seja responsável legal. Recorde-se que nos EUA a maioridade é atingida aos 21 anos.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

Não tem utilizador? Clique aqui para registar

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×