26/9/18
 
 
Secretária de Estado britânica acusa WhatsApp de permitir que pedófilos operem “à margem da lei”

Secretária de Estado britânica acusa WhatsApp de permitir que pedófilos operem “à margem da lei”

Shutterstock Jornal i 03/10/2017 18:35

Amber Rudd mencionou ainda outras questões 
 

A secretária de Estado para os Assuntos Internos do Reino Unido defendeu que o Whatsapp permite que os pedófilos operem à margem da lei, e pediu que estes serviços tomassem uma posição relativamente a estas atividades criminosas.

“Sabemos que serviços encriptados como o WhatsApp são usados por pedófilos”, avançou Rudd, citada pela Reuters. “Não aceito que empresas permitam que estes e outros criminosos operem à margem da lei.Temos de exigir à indústria que avance mais rapidamente e mais agressivamente. Eles têm os recursos e tem de haver uma urgência maior”, acrescentou.

No entanto, além da questão dos pedófilos, a secretária de Estado falou ainda em assuntos de extremismo nas redes sociais, pedindo que estas empresas combatam a disseminação destes conteúdos das plataformas online.

 

 

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×