22/9/18
 
 
Em Nova Iorque as crianças ainda podem casar

Em Nova Iorque as crianças ainda podem casar

Marta F. Reis 15/02/2017 11:53

Problema dos casamentos infantis está a ser discutido nos Estados Unidos. Há 27 estados que não têm sequer idade mínima para casar

Entre 2000 e 2010, 3853 menores casaram em Nova Iorque. Na maioria dos casos (84%), jovens raparigas casaram com homens adultos. O problema dos casamentos infantis está a gerar debate nos Estados Unidos. Nova Iorque é um caso paradigmático: considerada uma das metrópoles mais avançadas do mundo, a lei permite casamentos a partir dos 14 anos. Os movimentos defensores das crianças pedem uma alteração de legislação, para que a idade mínima suba para os 17 anos. Amy Paulin, deputada da assembleia municipal pelo Partido Democrata, alerta que as crianças não têm atualmente escapatória de casamentos forçados.

Nos EUA há 27 estados que não definem uma idade mínima para casar. Nova Iorque tem legislação específica, mas é um dos três estados que permite o casamento a partir dos 14 anos, com consentimento parental ou judicial. A legislação é idêntica na Carolina do Norte e do Alasca.

 A Human Rights Watch alertou esta semana para o problema em Nova Iorque, mas o assunto tem estado na ordem do dia. Mas o principal aviso surgiu no Washington Post há uns dias. Fraidy Reiss, da organização Unchained at Last, fez as contas: em dez anos, houve 167 mil casamentos de menores de 18 anos nos Estados Unidos. Há registos de casamentos a partir dos 12 anos de idade.

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×