18/9/18
 
 
O restaurante italiano que enganou o TripAdvisor
As críticas falsas falam em pratos tradicionais e vinhos locais

O restaurante italiano que enganou o TripAdvisor

As críticas falsas falam em pratos tradicionais e vinhos locais Clara Silva 22/07/2015 14:45

Um perfil falso e dez críticas da mesma categoria foram o suficiente para que o Scaletta ficasse à frente dos melhores.

Ristorante Scaletta, Moniga del Garda, Lombardia, Itália. Cinco estrelas e dez críticas a condizer no TripAdvisor, com exclamações como “cozinha emocionante” ou o mais emotivo, “finalmente!” O suficiente para convencer quem estivesse por perto a provar as iguarias do italiano e a fazer uma marcação para um jantar romântico a sorver esparguete. Aliás, a página do TripAdvisor do tal Scaletta até lhe dava um número e uma morada em Moniga del Garda para não perder tempo. O problema é que seria mesmo uma perda de tempo porque o restaurante nunca existiu.

A não ser na cabeça dos jornalistas da revista de gastronomia e lazer “Italia a Tavola”, que decidiu pôr à prova o Trip-Advisor, autoridade das autoridades no que diz respeito a críticas de restaurantes, bares, hotéis, monumentos, passeios de barco e tudo o que entusiasme qualquer mortal a ponto de escrever a sua própria opinião e a dar estrelinhas.

“Comi neste restaurante com amigos e gostei muito. Pratos tradicionais mas cuidados. O salmão na brasa estava excepcional. Sinceramente acho que só os doces foram mais fracos, mas isso para mim não é um problema”, escrevia Caterina B o mês passado.

CarreG21 ia mais longe:“Foi uma surpresa passar um domingo neste restaurante. Gerido por uma senhora muito velha, pelo seu marido e pelos netos, oferece um menu simples com pratos tradicionais e todos os vinhos locais. A senhora Maria até me lembrava a minha avó. Desejo-lhes muita sorte!”

Quem ligou para reservar mesa não teve muita sorte. Apesar dos dez elogios de pessoas diferentes, não havia senhora Maria nem marido nem netos para atender. Aliás, o número que o TripAdvisor mostrava pertencia à antiga esquadra de polícia da zona.

A brincadeira começou a ganhar outra forma quando o restaurante apareceu em primeiro lugar no ranking da cidade, à frente de outros como o L’Osteria H2O, com perto de 300 críticas, 201 delas com avaliação excelente, com cinco estrelas.

O objectivo da revista era mostrar a vulnerabilidade do TripAdvisor e como as opiniões e o ranking do site podiam ser facilmente manipulados, explicaram.

Quem não gostou muito da história foi o próprio staff do TripAdvisor, que em 2014 já tinha recebido uma multa de 500 mil euros em Itália por não conseguir detectar perfis e críticas falsas. Ainda assim defenderam-se como puderam: “É uma experiência muito cruel criar uma lista falsa de críticas só para nos apanhar.”

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×