28/3/20
 
 
Virgínia Estorninho. Durão Barroso “entalou Santana e lixou-nos a todos”

Virgínia Estorninho. Durão Barroso “entalou Santana e lixou-nos a todos”

22/02/2014 00:00
São habituais as posições mais críticas desta histórica social-democrata que se dirigiu esta tarde a Passos: “É tempo de humanizares um pouco as medidas sob o peso de não resistires” à contestação

Uma frase improvável de ouvir num congresso do PSD, mas foi dita pela histórica Virgínia Estorninho numa intervenção que fez ao início da tarde. “O país estava de tanga mas foi ele [Durão Barroso] que não quis resolver esse traje e fugiu entalando Santana Lopes e lixou-nos a todos”, disse a social-democrata recordando o que se passou há dez anos.

Estorninho pegou no exemplo recente dos trabalhadores notificados pelo Instituto de Mobilidade e dos Transportes para devolver compensações remuneratórias que diz terem sido pagas indevidamente nos últimos seis anos. “O que se passa neste país afinal?”, questionou a social-democrata apontando casos destes como “guerras que se compram que não dignificam o ideal político do PSD, nem o partido”. São habituais as posições mais críticas desta histórica social-democrata que se dirigiu esta tarde a Passos: “É tempo de humanizares um pouco as medidas sob o peso de não resistires” à contestação.

“O país está em crise mas nem tudo se pode fazer para o tirar de lá”, acrescentou ainda não deixando de atirar ao PS que diz ter tido “um ataque de amnésia colectiva e faz oposição cerrada”. Esta tarde está aberto o período de intervenções dos militantes, para debaterem as propostas trazidas ao congresso. Os discursos mais aguardados da tarde são os de Santana Lopes e de Luís Filipe Menezes. De acordo com o "Expresso", o ex-autarca de Gaia (derrotado no Porto nas últimas autárquicas) já está a caminho de Lisboa para intervir no congresso.

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×