3/7/20
 
 
Bruce Lee. Lutámos com a arte marcial que ele inventou há 40 anos

Bruce Lee. Lutámos com a arte marcial que ele inventou há 40 anos

25/07/2013 00:00
Mikael Martins ensina em Lisboa os golpes e a filosofia da estrela de cinema. Fomos experimentar

Os nomes Juk Tek e Gua Choi não nos dizem muito, mas se imaginarmos Bruce Lee de tronco nu a desferir pontapés e murros ficamos com uma ideia. Infelizmente, o mestre chinês já nos abandonou, mas os ensinamentos da arte marcial Jeet Kune Do ficaram nas mãos de astutos como Mikael Martins, um francês de 28 anos que é o único professor licenciado em Portugal. Mesmo sem abdominais ou tiradas filosóficas, tivemos uma manhã de "kung-fu fighting", onde não foi possível deixar de berrar: "OOOO" (preparação) e "Wata!" (golpe final).

Em Monsanto, Lisboa, começou o aquecimento obrigatório, com direito a algumas correrias e flexões. Antes de qualquer golpe, temos de aprender, nas palavras de Bruce Lee, "a ser como a água". A metáfora aquática serve para exemplificar como em qualquer momento temos de mudar a técnica, seja "dentro de um copo de água ou chávena de café". Depois desta lição criteriosa, segue o primeiro exercício: Jik Tek, que em português se traduz em "pontapés nos genitais".

"Esta arte marcial serve de defesa pessoal, portanto vale tudo, incluindo dedos nos olhos", exemplifica Mikael, enquanto tentamos desviar-nos do exemplo. Os pontapés nos genitais fazem parte dos movimentos mais básicos de pontapés, seguindo-se o Óoutek (lateral no joelho) e Juk Tek (no peito). Este último é um dos mais usados nos filmes de Bruce Lee, mas devido a uma clara falta de flexibilidade, o exercício deixa-se ficar pela cintura. Aprendidos os três movimentos, Mikael pega nas patas de urso (uma espécie de luvas almofadadas) e trocam-se golpes nos alvos. Quando o mestre francês decide também pontapear, aprendemos que braços moles não servem para aguentar seja o que for. Lição estudada para usar mais tarde.

"Através de experiências em combates reais, o Bruce Lee percebeu que havia alguma dificuldade em vencer através dos métodos clássicos", explica Mikael. A solução foi encontrar uma forma completamente livre e directa de combater, com um bom exemplo nos três simples pontapés que fizemos. Jeet Kune Do pode ser o nome de toda esta filosofia, mas Jun Fan Gung Fu é o nome que se usa para descrever a variedade de golpes e estilos (o nome chinês de Bruce Lee era Jun Fan).

O próximo passo é Bruce Lee em versão kickbox (com o título apropriado de Jun Fan Kick Boxing), onde introduzimos finalmente umas belas peras. É cruzado, é de frente, é chapada e ainda com a palma da mão. Quando a confiança começava a subir e pensamentos ao estilo "isto é muito fácil", Mikael estraga a festa com uma novidade: Pak Sao. As duas mãos têm de se cruzar, cria-se um equilíbrio e cada um tenta atingir o peito do outro. Esta técnica era um dos fortes de Bruce Lee, com sequências de defesa e ataque quase intermináveis. O "ser como a água" começa a fazer sentido, temos de ser fluidos, improvisar e seguir sempre os movimentos com todo o corpo. A teoria estava lá, faltou a execução e menos calorias armazenadas na barriga.

Mikael é aluno da escola de Dan Inosanto, que por sua vez recebeu um diploma de Lee (apenas três pessoas o conseguiram). Dan Inosanto e a estrela de cinema trocavam sempre impressões sobre o Kali, que é um combate filipino com bastões. O melhor exemplo está mesmo em "O Dragão Ataca", quando Lee arruma 15 estroinas de seguida. Com um bastão em cada mão repetem-se simples (mas na verdade complicadas) sequências de "acertar na cabeça do outro". Enquanto Mikael deixa a alma de Lee orgulhosa, o jornalista enquadra-se melhor nos pauliteiros de Miranda.

"Mais do que uma arte marcial, isto é uma filosofia, com o objectivo de atingirmos uma expressão e liberdade totais", resume o professor, enquanto passamos aos alongamentos finais. Depois de uma hora e tal, não é certo que consiga "ser como a água", mas pelo menos a roupa está toda encharcada de suor, uma pequena vitória no ringue de Monsanto.

Mikael Martins - Jeet Kune Do Lisboa

R. República da Bolívia Nº 55A, Lisboa

Horário: Ter: 20h30 às 21h45; Qui: 20h25 às 21h40; Site: http://jkdlisboa.wix.com

Ler Mais

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×