16/11/18
 
 
O que NOS liga depois da ZON Optimus

O que NOS liga depois da ZON Optimus

19/05/2014 00:00
Depois da ZON Optimus, a NOS. A nova marca de telecomunicações em Portugal foi oficialmente introduzida na sexta-feira, a 16 de Maio

A NOS arrancou oficialmente na sexta-feira passada com uma campanha promocional que dificilmente passou despercebida aos portugueses. Além dos diversos eventos promovidos pela marca em nome próprio, as campanhas publicitárias já se fizeram ver, ouvir e ler - e mais importante ainda, comentar - vezes suficientes para que o grande público tenha percepção suficiente de que existe uma nova marca a actual em Portugal.

A NOS introduz-se em comunicado como um operador de telecomunicações português que, apesar de ter nascido da fusão entre a ZON e a Optimus, é mais do que uma nova imagem, identidade ou estratégia. «A nova marca é um passo muito importante na afirmação da nossa estratégia. A NOS é uma nova empresa de telecomunicações e multimédia, que surgindo da junção da ZON e da Optimus será mais do que a soma destas duas grandes empresas. É uma empresa portuguesa que nasce para fazer a diferença no nosso mercado e que queremos que seja a primeira escolha dos portugueses», afirma Miguel Almeida, director executivo (CEO) da NOS.

Por enquanto, as mudanças que a NOS vai implicar parecem ser apenas superficiais, ou seja, vai haver uma maior centralização na oferta da marca, que se passará a apresentar com o novo nome, mas a experiência de utilização na maioria dos seus serviços deverá permanecer familiar, incluindo valores de tarifários. À excepção das marcas WTF e TAG, todas as restantes deverão adaptar-se à nova nomenclatura da empresa.

 

Quem são as marcas NOS

• NOS Comunicações - centrada em negócios de Pay TV (mercados residencial e empresarial) e mobile.

• NOS Cinema

• NOS Audiovisuais - Área de negocio da NOS focada na distribuição de conteúdos

«Vamos entregar a melhor proposta de valor aos nossos actuais e futuros clientes. É um compromisso que assumimos assente num ambicioso plano de investimento, de mais de mil milhões de euros ao longo dos próximos 5 anos; no desenvolvimento das nossas redes de Fibra e 4G, no desenvolvimento de novos serviços e no enriquecimento da experiência dos nossos clientes, reforçando aquela que é, já a hoje, a melhor experiência de Televisão e Mobilidade em Portugal», reforça o CEO da NOS.

 

Recepção calorosa, mas dividida

Uma coisa é certa: o anúncio da nova marca não passou despercebido nem foi necessariamente indiferente. As reacções foram especialmente efusivas nas redes sociais, onde a opinião geral do público em relação à nova marca tem sido crítica. Estas criticas parecem ter contribuido para tornar o seu arranque o mais visível possivel nas suas várias plataformas.

As criticas parecem ser direccionadas especificamente à forma de operar as áreas de negócio da empresa, que apesar do seu «renascimento» não mostrou sinais de mudar a sua forma de actuar no mercado. Isto não significa que essas mudanças não estejam pensadas para o futuro, mas até à data a NOS não revelou quaisquer sinais de alterações profundas à sua estrutura.

 

*Telemoveis.com

 

Iniciar Sessão
Esqueceu-se da sua password?

×
×

Subscreva a Newsletter do i

×

Pesquise no i

×