Alerta de tufão. Escuteiros portugueses na Coreia do Sul transferidos para Seul

Alerta de tufão. Escuteiros portugueses na Coreia do Sul transferidos para Seul


Evento junta cerca de 43.000 escuteiros e estão a ser transportados “em cerca de 900 autocarros disponibilizados pelo governo da Coreia do Sul, que desde o início se envolveu no processo”. 


Os quase 800 escuteiros portugueses que participam no Jamboree Mundial – um evento que junta escuteiros de todo o mundo – estão a ser transportados de Saemangeum para Seul devido ao risco de um tufão passar na zona.  

“Os participantes continuam a ser transportados para Seul, onde a atividade deverá continuar, naturalmente, em moldes diferentes, até sábado. Os escuteiros portugueses estão todos bem", disse fonte do Corpo Nacional de Escutas (CNE), em declarações à agência Lusa.  

O evento junta cerca de 43.000 escuteiros e estão a ser transportados “em cerca de 900 autocarros disponibilizados pelo governo da Coreia do Sul, que desde o início se envolveu no processo". 

"Com esta mudança de local, que todos compreendem, a organização foi obrigada a encontrar um programa alternativo e complementar, uma vez que o facto de não estarem em campo, impede a realização de muitas das atividades previstas", referiu ainda a mesma fonte, acrescentando que escuteiros ficarão alojados em escolas e recintos desportivos.