Concerto à luz das velas em Lisboa. É pelo planeta

Concerto à luz das velas em Lisboa. É pelo planeta


Aurea, Carminho, Sara Tavares e Tiago Bettencourt são alguns dos artistas convidados. Por todo país, há iniciativas a assinalar a Hora do Planeta


A "Hora do Planeta" assinala-se esta noite em Lisboa com um concerto à luz das velas no Parque Eduardo VII. Este será o evento oficial em Portugal da iniciativa de consciencialização ambiental que se celebra em todo o mundo este sábado, entre as 20h30 e as 21h30.

A "Hora do Planeta", promovida pela WWF (Fundo Mundial para a Natureza) teve início em Sidney em março de 2007 e envolve anualmente mais de mil milhões de pessoas em sete mil cidades, 178 países e territórios. Nos últimos anos, mais de 8.000 cidades e vilas conseguiram que mais de 12.700 monumentos desligassem as luzes, diz a organização.

O objetivo é a sensibilização para os problemas ambientais e o apoio à WWF, cuja missão é "travar a degradação do ambiente natural do planeta e construir um futuro no qual os seres humanos vivam em harmonia com a natureza, pela conservação da diversidade biológica do mundo, garantindo que a utilização dos recursos naturais renováveis seja sustentável e promovendo a redução da poluição e do desperdício", adiantam os responsáveis.

No caso do concerto em Lisboa, onde estão confirmados artistas como Aurea, Carminho, Sara Tavares, Janeiro ou Tiago Bettencourt, a entrada é de 10 euros e grátis para crianças até aos 12 anos, quando acompanhadas.

Segundo a WWF, esta décima edição da Hora do Planeta regista um recorde de municípios aderentes em Portugal: 140. Vários monumentos e espaços públicos de Norte a Sul estarão de luzes apagadas logo à noite.