Isabel dos Santos reage a acusações de corrupção

Isabel dos Santos reage a acusações de corrupção


A empresária angolana Isabel dos Santos reagiu esta sexta-feira ao facto do seu nome aparecer na lista dos 15 casos “mais simbólicos da grande corrupção” em todo o mundo, um ranking feito ONG Transparência Internacional.


“Isabel dos Santos é uma empresária independente e uma investidora privada, representando unicamente os seus próprios interesses. Os investimentos de Isabel dos Santos em empresas angolanas e/ou portuguesas são transparentes e têm sido realizados através de transações baseadas no princípio de plena concorrência, envolvendo entidades externas, tais como reputados bancos e escritórios de advogados.”, lê-se no comunicado emitido hoje.

O mesmo documento explica que os investimentos da empresária, que detém em Portugal participações em várias empresas como a Galp Energia e a NOS, estão “sob o rigoroso escrutínio de vários reguladores”, tendo sido “apresentados com máxima transparência”, não recorrendo à “utilização de quaisquer fundos públicos” e sendo “unicamente financiados por private equity, banca comercial e dividendos pagos pelas empresas”.

Isabel dos Santos foi escolhida para integrar a lista realizada pela Transparência Internacional, que foi feita com base em vários critérios, como “o uso da posição de último beneficiário em operações de offshore ou em participações de sociedades anónimas, abusos de direitos humanos e escala da corrupção envolvida”, lê-se no site do Expresso.