História: Ideia de que agentes da PIDE não foram castigados é um mito – Irene Pimentel


Londres, 25 nov (Lusa) – A ideia feita de que os agentes da polícia política durante a ditadura não foram presos nem castigados é falsa, afirmou hoje a historiadora Irene Pimentel, durante um semi


Londres, 25 nov (Lusa) – A ideia feita de que os agentes da polícia política durante a ditadura não foram presos nem castigados é falsa, afirmou hoje a historiadora Irene Pimentel, durante um seminário em Londres.


“É mentira o mito de que ninguém da PIDE foi preso”, garantiu, durante uma intervenção sobre a punição da polícia política da ditadura portuguesa, durante a transição para um estado democrático, num seminário no King’s College de Londres (KCL).


Números que só recentemente Irne Pimentel obteve confirmam que 2755 pessoas foram a julgamento, com penas variadas entre a suspensão de direitos políticos e penas de prisão, que variavam entre um mês e mais de dois anos.